Wednesday | September 30, 2020

VW prepara o I.D. Vizzion. Para atacar a Tesla

É o último dos quatro eléctricos que a VW promete apresentar a partir de 2020, mas é o que vai enfrentar o adversário mais difícil, pois o I.D. Vizzion está destinado a bater-se com o Tesla Model S.

Agama eléctrica em que a Volkswagen está a trabalhando, apesar de começar a surgir apenas a partir do final de 2019, ou seja, dentro de pouco menos de ano e meio, já é bem conhecida. Vai arrancar com o I.D., que deverá se chamar Neo e que se pode descrever como um Golf com o espaço interior de um Passat, graças ao menor volume necessário para alojar o motor eléctrico. Depois será a vez do I.D. Buzz, o Pão de Forma, o I.D. Crozz, o SUV de dimensões generosas, com a respectiva versão berlina, o I.D. Vizzion, a ser o último a chegar ao mercado. Mas será este que vai ter por missão movimentar-se num dos segmentos em que a concorrência é mais forte.

De momento, o Vizzion tem a chegada da sua versão de série agendada para 2022. O construtor alemão antecipa que estará equipada com sistema de condução autónoma, com a plataforma que o equipa, a versátil MEB, destinada à gama eléctrica, a estar concebida para acolher dois motores eléctricos, um por eixo.

Ainda segundo as indicações do fabricante, o Vizzion será dos mais generosos da gama I.D., em matéria de dimensões, o que o deixa à vontade para acolher as baterias de maiores dimensões, sendo possível prever uma autonomia na casa dos 600 km. Valores que o colocam em rota de colisão com modelos como o Tesla Model S, hoje o único modelo de luxo eléctrico, mas que terá concorrência da Audi e da Porsche, além da Volkswagen. Isto para não falar dos concorrentes da BMW e Mercedes.

De acordo com o responsável pelo Marketing, Vendas e Pós-Venda da marca de Wolfsburg, Jürgen Stackmann, “o I.D. Vizzion será o topo de gama da Volkswagen, mas o segmento de luxo sofrerá uma redefinição com a chegada dos veículos eléctricos, proporcionando novas oportunidades e muito mais espaço interior para as mesmas dimensões exteriores”.